Atalhos de Campo


22.5.17

para a menina dos olhos negros

Nos olhos brilham asas negras   
Na pele dorme uma pétala perfumada e doce, de flor
Na boca acorda um passarinho
No cabelo vence o génio de um compositor

Mas é nas mãos que batem palminhas
Que lhe encontro o voo das andorinhas
Que voltaram este ano por amor


22 de Maio de 2016