Atalhos de Campo


27.12.16

toma o teu leito*

Fiz uma lista mental aturada, mas mesmo assim ficaram esquecidas
algumas coisas - muito poucas - entre elas um par de canadianas,
o que interpretei como bom prognóstico.

8 comentários:

  1. já ficava satisfeito com uma canadiana, quanto mais um par... prontos, também podem ser de outro sítio qualquer, chilenas, ucranianas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. seguem por correio verde: oito muletas, um par de barbatanas, duas asas e um kit de primeiros socorros com validade de cinco anos.

      Eliminar
  2. bom dia, Teresa,
    bons prognósticos são sempre bem - vindos, e com o ano a terminar...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São, de facto. 2016 foi um ano doente. Gosto do sete.
      Um ano cheio de saúde, querida Mia.

      Eliminar
  3. É sempre bom sinal. Quem se esquece das canadianas, é porque está curado em definitivo.

    2017 é um número muito bonito. Que ele dê continuidade a esse teu "belo".

    Para 2017, vitalidade e beleza:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É como esquecer o guarda-chuva quando já não chove.

      E prevê-se muito sol para 2017, Madalena:)

      Eliminar
  4. Que se vão as canadianas e venha o sete. É um bom número :)

    ResponderEliminar