Atalhos de Campo


11.12.16

A felosa

A pequena felosa agarrou-se com força às grades e não se mexeu durante um bom bocado, ambientando-se à penumbra. De vez em quando ia espreitá-la para ver se reagia. Secara-lhe bem as penas com um papel absorvente, mas reparara que continuava a respirar com o bico aberto. De início optara por colocá-la no quarto, a divisão mais quente da casa. Pela hora do almoço descera com ela para a sala, não para muito longe da salamandra acesa. A felosa entretanto arrebitara bastante, saltitando de poleiro em poleiro, e não parecia nada incomodada pela exiguidade do novo espaço, comportando-se como se tivesse vivido sempre numa gaiola. À oferta da primeira mosca reagiu com precisão, tragando-a num ápice. Durante as três horas seguintes voou alegremente e comeu mais seis moscas e uma traça, tornando-se o centro das atenções. Porém, ao cair da noite, subitamente aninhou-se, e escondeu a cabecita por baixo da asa. Estranhamente não se empoleirara para dormir, e em vez disso encostara-se à taça onde estava a água. E foi assim aconchegada que se deixou a pouco e pouco escorregar, e que nem deu conta que já tinha morrido. 

7 comentários:

  1. a morte é um momento. às vezes, muito aquietado, e quando acontece sem sobressaltos, parece menos difícil encará-la.
    boa noite, Teresa.

    ResponderEliminar
  2. Boa noite! E se quiser veja a sorte dos sem-abrigo, pelo Natal - https://vieiracalado-poesia.blogspot.pt/2016/12/natal-dos-sem-abrigo.html Saudações natalícias!.

    ResponderEliminar
  3. :( a morte fica-me sempre atravessada na garganta.

    Beijos, Teresa, e uma noite tranquila :)

    ResponderEliminar
  4. uma vez senti a alma de um passarinho a deixar o corpo. ave de luz a bater asas e voar, ainda o corpo dele não tinha morrido.

    ResponderEliminar
  5. Engraçado. Fui surpreendida. Enquanto lia, supus outro desfecho.

    De facto, daí o dizer-se: "Ficou-se como um passarinho". O que é raro. Quase ninguém se livra da ruidosa prova do parto da morte.

    Vive como um pássaro:)
    Um beijinho

    ResponderEliminar