Atalhos de Campo


1.10.16

red bull

Quando já nada nos espicaça, temos a «melancolia», último estimulante. Incapazes de abdicar dela, perseguimo-la quer no divertimento quer na oração. E temos tanto receio de sermos privados dela que «A melancolia nossa de cada dia nos dai hoje» se torna o refrão das nossas expectativas e orações.

Cioran

2 comentários: