Atalhos de Campo


17.5.16

Passagem para a noite (24)

















































12 comentários:

  1. Passagem majestosa!

    Beijos, Teresa, e uma noite doce :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens razão, um rei exibindo o seu manto.

      Beijos, doce Maria. :)

      Eliminar
  2. Ó que passagem maravilhosa, Teresa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ava, ele dá-me isto "de barato", mas eu não resisto.

      Eliminar
  3. ...e ceptro. As jóias da coroa, o passaporte para o paraíso. "O animal de cem olhos", símbolo da sabedoria e conhecimento oculto, entre outros. A simbologia faz-lhe justiça. Fica-se cativo!
    Tão bonito, o seu recorte de padrões diversos, a contrastar com a leveza da cortina de plumas do fundo.

    Quel paradis!:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho ficado fascinada com a observação deste bicho. Na verdade tem algo de nobre e de selvagem. Gosta de sol mas fica no telhado a apanhar chuva forte, gritando para o céu. Faz ensaios de dança ao anoitecer no meio das ervas e depois pousa a cauda com uma delicadeza de noiva (aliás consegue fazer com a cauda aquilo que nenhuma noiva consegue:); depois de comer voa para o telhado e daí para um eucalipto com altura de um quarto andar... e não é fácil nenhum predador apanhá-lo. Poderes ocultos, magia, magnetismo...

      "prête-moi ta plume, pour écrire un mot" :)

      Eliminar
  4. Querida Teresa Borges do Canto,
    Gosto ainda mais dos seus pavões.
    Bom dia,
    Outro Ente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como não haveria de gostar, eles são uma verdadeira ode ao seu símbolo.

      Bom dia, querido Outro Ente.

      Eliminar
  5. Ele vive no seu mundo e dorme no cimo de um eucalipto gigante. Já o tinhas dito. É algo do domínio do fantástico. Je n'ai pas de mots...Adoro a emoção estética que ele me provoca.

    Às vezes também vejo pássaros mesmo na pontinha dos cedros, a balançar, a balançar, como estrelas de natal...Instantâneos valorosos.

    Beijinhos:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O universo das aves, mundo desconhecido, maravilhoso, a conquistar... :)

      Eliminar