Atalhos de Campo


29.4.15

Dancem-me, até ao fim do amor



Penso que, para mim, é importante escolher bailarinos
que sejam seres humanos. É evidente que procuro seres
humanos portadores de um impulso que os leve a expri-
mirem-se com o corpo todo, um corpo que é preciso fa-
zer falar, com que eles querem falar.

Pina Bausch/ Pina Bausch: Falem-me de Amor
Um colóquio
                        
                         *

No bailado há uma coisa que me comove e que é, apesar
de tudo, um dos seus símbolos: aquela perpétua tentati-
va, e sempre frustrada , de levantar voo.

Federico Fellini

Sem comentários:

Enviar um comentário