Atalhos de Campo


3.10.14

« Duas árvores de avanço »









O amor continua muito alto,
Muito acima, muito fora
Da vida, muito raro
E difícil: maravilhoso
Quando devia ser fiel.
Fiel em cada dia,
Paciente e natural em cada dia,
Profundo e ao mesmo tempo aéreo,
Verde e simples,
Como uma árvore!

Alexandre O'Neill/ Poesias Completas

Sem comentários:

Enviar um comentário