Atalhos de Campo


29.7.14

Ou se minto.







(...)

Pelos campos sem fim
Sinto correr, porque na face o sinto,
Um vago vento, estranho todo a mim.
Não sei se penso, ou em que dor consinto
Que seja minha ou desespero sem ter fim,
Ou se minto.
16-2-1920

Fernando Pessoa/ Novas Poesias Inéditas