Atalhos de Campo


18.5.14

Ouve a luz


Ouve a luz


Como ainda tem o sabor das algas


Deixei-lhe escrito um recado
Das nuvens


Não te esqueças de ouvir a luz


Não te esqueças que ao sol pôr
Também eu morro


Não te esqueças


Daniel Faria/Poesia